Áudios reforçam indícios de que amigo de Temer recebeu dinheiro da Odebrecht, diz PF PF volta a pedir mais prazo para concluir investigação sobre Temer


PF tem áudios com amigo de Temer negociando recebimento de dinheiro
A Polícia Federal avaliou que áudios entregues por Alvaro Novis, um dos delatores da Lava Jato, reforçam a tese de que a Odebrecht entregou dinheiro a um amigo do presidente Michel Temer como contrapartida a benefícios para a empresa. >>> Ouça as gravações clicando no vídeo acima; leia as transcrições das conversas mais abaixo No relatório entregue ao Supremo Tribunal Federal na semana passada, a PF disse ter encontrado indícios de que Temer cometeu os crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Segundo a PF, Temer recebeu R$ 1,4 milhão dos R$ 10 milhões que teriam sido acertados. Caberá à Procuradoria Geral da República avaliar o que a Polícia Federal informou e decidir se oferece denúncia. Os áudios foram entregues no âmbito do inquérito que apura o suposto repasse de R$ 10 milhões da Odebrecht para o MDB a pedido de Temer. Segundo delatores da Odebrecht,...


>>> Veja o artigo completo (Fonte)