PF pede mais 60 dias para concluir inquérito de líderes do MDB e Maia


Da esquerda para a direita: Eunício Oliveira, Rodrigo Maia, Romero Jucá, Renan Calheiros e Lúcio Vieira Lima (Foto: Arte/G1)
A Polícia Federal pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) mais 60 dias para concluir o inquérito que investiga os presidentes do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (MDB-CE), e da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Tambem são investigados os senadores Romero Jucá (MDB-RR) e Renan Calheiros (MDB-AL), além do deputado Lúcio Vieira Lima (MDB-BA). O pedido foi encaminhado ao ministro Luiz Edson Fachin, relator da Lava Jato. Antes de decidir, porém, Fachin deverá remeter o caso para a Procuradoria Geral da República (PGR) opinar sobre o tema.
O inquérito O inquérito foi aberto a partir das delações de executivos e ex-executivos da empreiteira Odebreecht.
A investigação é sobre se os cinco parlamentares receberam propina de R$ 7 milhões da construtora Odebrecht em troca da aprovação de...


>>> Veja o artigo completo (Fonte)