Família tenta identificar corpo do filho no IML há oito meses


A família de Johnathan Gomes José, de 22 anos, tenta identificar o corpo do jovem na IML desde 30 de abril de 2018, quando receberam a notícia da morte dele. O corpo do rapaz foi encontrado dentro de um carro em Honório Gurgel, zona norte do Rio de Janeiro. O IML não tem verba para identificar corpos e fazer exames de DNA. Nem mesmo os investimentos recebidos durante o período de Intervenção Federal foram suficientes para suprir o problema. 
...


>>> Veja o artigo completo (Fonte)