Estudante do Mackenzie é expulso após vídeo racista durante eleições


Aluno foi expulso do Mackenzie
Reprodução
O estudante de direito Pedro Bellitani Baleotti, de 25 anos, foi expulso da Universidade Presbiteriana Mackenzie, em São Paulo, após dizer em vídeo que a “negraiada vai morrer”, durante as eleições passadas.
Os insultos foram feitos em dois vídeos. Neles, o então aluno relata “indo votar ao som de Zezé, armado com faca, pistola, o diabo, louco pra ver um vadio vagabundo com camiseta vermelha e já matar logo”.
Leia mais: Negro Drama: um panorama do racismo no Brasil
Após o vídeo ser divulgado nas redes sociais, milhares de estudantes da universidade fizeram protestos, exigindo que alguma atitude fosse tomada. Dias depois, o aluno do 10° semestre foi suspenso pelo Mackenzie.
Em nota, a instituição informou que todos os trâmites foram cumpridos e o aluno foi expulso, mas que irá receber “todos os documentos quanto aos créditos cumpridos”. Disse, ainda, que o Mackenzie “não coadun...


>>> Veja o artigo completo (Fonte)