Após contradição, dois suspeitos de matar bolivianos são presos em SP


Família de bolivianos encontrados mortos em Itaquaquecetuba
Reprodução/Facebook
A Justiça de São Paulo decretou na quarta-feira (9) a prisão temporária de três homens suspeitos de envolvimento na execução de uma família de bolivianos no período do Natal, cujos corpos foram encontrados na terça-feira (8). Dois dos detidos foram encaminhados ao CDP (Centro de Detenção Provisória) de Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo.
O terceiro suspeito é cunhado da mulher executada, Irma Morante Sanizo, e, segundo a polícia, está foragido. "O cônsul da Bolívia esteve aqui, e toda a polícia do país está empenhada em encontrá-lo", afirmou Eliardo Amoroso Jordão, delegado do 1º DP de Itaquaquecetuba, responsável pelas investigações.
Leia mais: Família de bolivianos foi morta no período do Natal, diz delegado
O delegado afirmou que pediu as prisões temporárias baseado em divergências nos depoimentos dos suspeitos. Um deles, que teria aj...


>>> Veja o artigo completo (Fonte)