TSE contesta suspeitas contra urnas e diz que qualquer fraude será identificada


Por Fernanda Calgaro e Laís Lis, G1 — Brasília 21/10/2018 15h46
TSE responde a questionamentos sobre as eleições
A presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Rosa Weber, afirmou neste domingo (21), durante entrevista coletiva na sede do tribunal, que não há "base empírica" para as "criativas teses" em mensagens de conteúdo falso que lançam suspeitas sobre o processo eleitoral. Segundo a ministra, como o sistema de votação das urnas eletrônicas é auditável, uma eventual fraude deixaria "digitais". Na última sexta-feira (19), a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, pediu à Polícia Federal abertura de inquérito para investigar a divulgação de informações falsas por empresas contra os candidatos à presidência, Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL). Neste sábado (20), o ministro Raul Jungmann informou que o inquérito foi aberto. "As criativas teses que intentam contra a lisu...


>>> Veja o artigo completo (Fonte)