Casa Branca é isolada para veículos e pedestres após disparos e morte

Tiros provocaram correria entre turistas que estavam próximos à Casa Branca

Reprodução/Twitter/Reuters - 03.03.2018

A rotina da Casa Branca, sede do governo dos Estados Unidos, em Washington, mudou na manhã neste sábado (3), depois que um homem disparou várias vezes contra si próprio perto do local. A informação é do Serviço Secreto dos Estados Unidos.

Houve correria dos pedestres que passavam pelo ponto turístico, mas ninguém se feriu. Após o incidente, a Casa Branca foi isolada. Os veículos não puderam transitar em ruas próximas ao local e pedestres foram impedidos de se aproximar.

Em comunicado, o Serviço Secreto informou que, "por volta das 11h46, um homem, de cor branca, se feriu na cabeça por disparo de arma de fogo do lado de fora da cerca que protege o lado norte da Casa Branca". E prossegue: "O homem está morto".

De acordo com o Serviço Secreto, o rapaz, cuja identidade nem a idade foram reveladas, "disparou várias vezes, nenhum deles, porém, aparentemente tiveram a Casa Branca como alvo".

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e a primeira-dama não estavam na Casa Branca no momento do incidente. Trump foi informado e está ciente do ocorrido.

Além do homem, ninguém mais se feriu.