Temer e PSDB negociam chapa presidencial de Alckmin e Meirelles


Temer (c) sonha com Alckmin (e) encabeçando chapa ao lado de Meirelles (d)
Marlene Bergamo/Folhapress - 02.12.2017
O presidente Michel Temer (MDB) e o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin, pré-candidato do PSDB, voltaram a se aproximar e negociam um acordo que reunifique a centro-direita da política brasileira. Na proposta apresentada pelo Planalto, essa chapa presidencial seria encabeçada pelo tucano com o ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles (MDB) como candidato a vice. Alckmin analisa a ideia e, neste momento, seus aliados avaliam existirem muitos obstáculos para o acordo.
Embora ainda se apresente como pré-candidato à reeleição, Temer admitiu a pelo menos dois interlocutores — um do MDB e outro do PSDB — que não deve concorrer a mais um mandato. O presidente avalia que a nova formação pode unir o centro político e evitar o isolamento do seu partido e de sua gestão no processo eleitoral.
A proposta de um palanque unificado g...


>>> Veja o artigo completo (Fonte)