Procon-SP recebe denúncias sobre preço de combustível


Procon-SP registrou cerca de 1100 denúncias de preços abusivos nas bombas
Paulo Whitaker/Reuters - 08.11.2016
A Fundação Procon-SP registrou até esta terça-feira (29) 1.147 atendimentos referentes ao aumento nos preços de combustíveis, devido à paralisação dos caminhoneiros. O órgão lançou, na última quinta-feira (24), um canal específico para denúncias contra práticas abusivas de preços e o comércio de combustíveis adulterados. O consumidor pode apresentar a denúncia no site da entidade, nas redes sociais da fundação ou pelo telefone 151.
O Procon-SP informa que fiscaliza a prática abusiva e não os preços, visto que não existe tabelamento. A “prática abusiva” se configura quando há um aumento injustificado.
Cade propõe medidas para reduzir preços dos combustíveis
Os postos denunciados pelos consumidores serão notificados para apresentar documentação sobre os preços de fornecedores e os praticados, além da justif...


>>> Veja o artigo completo (Fonte)