Dólar sobe pela quarta vez seguida e se aproxima de R$ 3,75


Dólar marcou R$ 3,77 na máxima da sessão
Jose Luis Gonzalez/Illustration/Reuters
O dólar subiu pela quarta sessão consecutiva nesta terça-feira (29) e voltou a se reaproximar dos R$ 3,75, influenciado pela aversão ao risco no exterior, que se somou às preocupações com os impactos da crise doméstica dos caminhoneiros na economia.
Na sessão, a moeda norte-americana avançou 1,64%, a R$ 3,7286 na venda, acumulando 3,15% de avanço em quatro pregões e se encaminhando para uma alta de quase 7% no mês. O dólar futuro tinha alta de 0,05%.
"Por enquanto, continuamos acreditando que é preciso cautela... nem o exterior, nem o cenário doméstico parecem contribuir para uma melhora significativa, por enquanto", destacou a corretora Guide em relatório.
A moeda marcou a máxima da sessão no início dos negócios, quando saltou 1,14% e foi a R$ 3,7712, mas depois passou por uma correção e passou a maior parte do dia entre leves altas e baixas.
"...


>>> Veja o artigo completo (Fonte)