SP vai rever brecha que permite drible na lei Cidade Limpa


Prefeitura irá endurecer fiscalização da lei Cidade Limpa
Edu Garcia / R7
“Nós precisamos combater esses camelôs da paisagem de São Paulo.” A frase é de Regina Monteiro, criadora da lei Cidade Limpa e presidente da CPPU (Comissão de Proteção da Paisagem Urbana), que regulamenta a inserção de elementos na paisagem da capital. Ela se refere aos estabelecimentos que utilizam uma “brecha” para driblar a lei Cidade Limpa: as vitrines de vidro.
A reportagem do R7 foi a primeira a expor o problema em março deste ano. De lá para cá, o número de lojas só aumentou. Diversas ruas importantes da capital estão tomadas por vitrines com enormes painéis de LED que exibem peças publicitárias.“Quando a gente faz uma lei, não consegue imaginar todas as mudanças que podem acontecer. No entanto, a lei já prevê que, quando se trata de novas tecnologias, é possível rever as regras e nós iremos rever.”
A lei abre uma brecha para propagandas...


>>> Veja o artigo completo (Fonte)